Conceição do Coité – Homem é morto à tiros quando ia tirar leite

José Antônio Ramos do Patrocínio, 52 anos, assassinado quando ia tirar leite.

José Antônio Ramos do Patrocínio, 52 anos, conhecido por Silvio, residente na Rua Rio Branco, s/n, no Distrito de Juazeirinho, município de Conceição do Coité, foi encontrado morto na manhã desta segunda-feira (04), em um pasto na Fazenda Tanque, numa área conhecida como terra de Tomás. Silvio foi morto com dois tiros que atingiu o braço esquerdo e as costas.

A polícia suspeita que antes de ser assassinado, a vítima tenha sido agredida a golpe de madeira ou pedra, porém no local onde o corpo foi encontrado, não havia nenhuma peça que pudesse confirmar as hipóteses e a suspeita foi levantada por causa de ferimentos no rosto.

José Antonio foi encontrado pelo vaqueiro Adalto dos Reis Soares.

José Antônio tinha como profissão pedreiro e estava desempregado há sessenta dias, ele estava recebendo o seguro desemprego e neste período ficava na região fazendo “bico” e cuidando de uma vaca que criava na referida fazenda onde foi encontrado pelo vaqueiro Adalto dos Reis Soares.

Adalto contou ao CN, que chegou ao curral para trabalhar ás 04h30 e dez minutos depois, ouviu dois disparos e um grito desesperado de socorro, segundo ele pelo grito imajinou que se tratava de Silvio. “Quando escutei os tiros eu sair correndo para chamar a mulher dele, foi ai que ouvir outro disparo. Foram três tiros”, contou.

Ele disse também que havia chegado para trabalhar e tinha tirado apenas dois litros de leite da primeira vaca, quando o fato ocorreu. No desespero, correu até a casa de Silvio, que fica pouco mais de trezentos metros do local do crime e comunicou o fato a Amélia Ramos, esposa do pedreiro. “Enquanto eu conversava com ela, foi chegando gente e eu contei o que havia escutado e as pessoas acharam melhor esperar clarear o dia, pois estava bem escuro e a gente ir vê o que houve”, relatou Adalto.

Adalto disse não ter visto nada, a não ser ouvido os disparos e os gritos da vítima.

Por volta das 05h30, acompanhado de alguns amigos, Adalto foi à área onde havia escutado os tiros e encontrou Silvio caído próximo a um tanque e ao lado da panela que levava para buscar o leite. “Tudo aconteceu bem perto do curral onde eu estava cerca de duzentos metros, porém não vi nada, pois estava muito escuro”, concluiu a conversa o trabalhador familiar Adalto Reis, enquanto mostrava a distância do corpo do amigo para o curral.

Vizinhos e parentes, assim que tomaram conhecimento do fato, foram ao local e lamentaram o ocorrido. Era unânime o sentimento de perda e todos afirmavam que Silvio era uma pessoa tranquila, não tinha o hábito de beber nem era envolvido em prática criminosa. Tido como “bom sujeito”, ninguém arriscava a levantar suspeita dos autores e os motivos do crime.

Quando deixava o local, um homem, cujos dados não foi identificado, procurou o repórter do CN e disse que a cerca de 20 dias foi visto na área, passando pela estrada que liga a Rua Rio Branco ao cemitério, dois homens estranhos em uma moto, buscando informações da região. “Não sei se isto tem haver com crime, mas, eles estavam bem desconfiados e nervosos”, falou a pessoa.

Silvio foi morto com dois tiros que atingiu o braço esquerdo e as costas.

Além de Salvador, Silvio trabalhou por um tempo na cidade de Serrinha e segundo o agente da polícia civil que esteve no local para efetuar o levantamento cadavérico, será investigado tudo nos mínimos detalhes, “pois a intenção de quem praticou o crime era matá-lo  mesmo, pois sabia da sua rotina e estava na espera”, afirmou o agente.

 

Fonte: Calila Notícias

Assinar por E-mail

Digite seu endereço de E-mail no campo abaixo e receba notícias, classificados e empregos direto no seu E-mail. Após o cadastro é necessário confirmar o mesmo, entrando na sua caixa de E-mail e clicando no link de ativação

Delivered by FeedBurner

Tags: , ,